Celes e Raphael

Celes Victoria
Oi, eu sou o Goku, não pera... a Celes, sou fã de animes desde a infância e minha entrada no mundo cosplay foi um pouco mais tardia do que eu desejava. Apesar de frequentar os eventos há bastante tempo e achar incrível o trabalho dos cosplayers, me sentia tímida em relação a ingressar no meio, talvez por não ter amigos que me acompanhessem na época. Mas também foi começando que conheci pessoas incríveis e criei novas amizades que partilham do hobbie. Gosto muito de trabalhos com tecido, até mesmo os trajes que parecem mais simples envolvem muitas horas de trabalho e carinho para que sejam feitos da melhor forma possível. Costumo escolher os personagem por afinidade com a mídia da qual fazem parte ou personalidade, não ligando muito para a parte competitiva. Mas ainda me mantenho um pouco tímida, não tendo page cosplay e fugindo um pouco de fotos (risos).

Raphael Levy
Comecei a assistir animes por volta dos meus 15 anos, e sempre gostei muito, de gêneros variados e assitir diversos simultaneamente. Na época não participava de eventos voltados ao público otaku/geek. Com o tempo surgiu um novo na cidade, o AnimeBomb e fui a primeira edição. Até então eu nem sabia direito o que era cosplay, mas depois de ver pessoalmente me interessei, fiquei com vontade de fazer e procurei pesquisar sobre. No início eu queria muito fazer mas também tinha a questão da vergonha, então começava a procurar personagens em que eu poderia esconder meu rosto, através de máscaras ou capacetes, depois que comecei a fazer amizades nesse meio e principalmente com a amizade da minha atual dupla cosplay, comecei a ficar mais confiante e começar a fazer cosplay sem me preocupar em mostrar o meu rosto, realizando coisas que realmente queria.

A dupla
Nossa amizade começou bem lenta (pensa nos cosplayers que ficam se escondendo nos eventos hahaha) e nos levou a buscar por um bom tempo um anime que ambos gostassem para poder fazer a nossa aguardada dupla de cosplay, já que um curte coisas muito diferentes do outro. Um indicou ao outro Kamisama Hajimemashita e foi "é esse". Participantes apenas de desfiles, com resultado do trabalho nas nossas roupas e acessórios, decidimos partir para desbravar o play, que acabou sendo uma grata surpresa por se tratar de uma seletiva de WCS BR. Apesar do esforço, nem no nosso sonho mais louco imaginaríamos passar a seletiva, queríamos apenas começar algo novo e aqui estamos, junto de um grupo sensacional!

AnimeBomb
Este é um dos maiores eventos da região sul do Rio Grande do Sul e muito querido por nós, por questões de organização, os staffs mais queridos, rever os amigos, o respeito que rola dentro do evento, além de todas as atrações e diversão que busca trazer para o público geek. Nos divertimos muito fazendo parte e somos gratos a todos os que fazem ele acontecer.